Com eliminações, Palmeiras deixa de ganhar mais de R$ 116 milhões
Clube paulista poderia faturar mais R$ 116 milhões se conquistasse Taça Libertadores e Copa do Brasil
As campanhas inferiores nesta temporada trouxeram prejuízos

30 de Agosto de 2019 - 14h39
A eliminação nas quartas de final da Libertadores para o Grêmio, na última terça-feira (27), frustrou não somente mais um projeto de título do Palmeiras no torneio sul-americano, mas também implicou diretamente nos ganhos financeiros do clube.

Se avançasse à semifinal da Libertadores, o Palmeiras garantiria ao menos mais US$ 1,75 milhão (cerca de R$ 7,3 milhões). As premiações da Conmebol para o vice-campeão e o campeão são ainda maiores: US$ 6 milhões (R$ 25 milhões) e US$ 12 milhões (R$ 50 milhões).

A queda para o Internacional nas quartas de final da Copa do Brasil também pode ser muito lamentada financeiramente, já que serão pagos R$ 6,7 milhões aos semifinalistas e mais R$ 52 milhões ao time campeão (ou R$ 21 milhões ao segundo colocado).

Em comparação com o ano anterior, o time caiu uma fase antes em todos os torneios eliminatórios de 2019: foi eliminado na semifinal do Campeonato Paulista (para o São Paulo) e nas quartas de final tanto da Copa do Brasil quanto da Libertadores.



expediente|quem somos|fale conosco|política de privacidade





© 2017 News Oeste - Todos os Direitos Reservados ®