O pecado não compensa
“A mensagem é divina, mas ela ganha força com um mensageiro humano”
“A mensagem é divina, mas ela ganha força com um mensageiro humano”

28 de Junho de 2019 - 00h54
Pode alguém andar sobre brasas sem queimar os pés? (Provérbios 6:28). O pecado nunca se apresenta como realmente é. Como a isca de um anzol, é atrativo, mas mortal. A interação humana com ele respeita a lei da ação e reação: quem brinca com fogo ou anda sobre brasas vai acabar se queimando no fim.

A vida de Sansão mostra isso claramente. Seu nome deriva da palavra “sol”. Ele foi chamado para fazer o povo do Senhor voltar a brilhar. Deus o cercou de muitos privilégios. Dedicado desde o ventre de sua mãe, era um nazireu dotado de uma força extraordinária. Foi chamado para ser juiz e libertador de Israel.
Entretanto, ele brincou com o pecado.

Achou que podia seguir a própria lógica e subestimou as consequências de seus atos. Começou com um brilho forte, mas foi perdendo força até terminar quase apagado. Tornou-se um sol sem resplendor. Sansão tinha tudo para dar certo, mas sua história foi um fracasso. Por quê? Ele perdeu a noção da verdadeira fonte de seu poder, ignorou as orientações divinas e deixou que o coração definisse seu comportamento.

Terminou humilhado e experimentou o resultado daqueles que brincam com o pecado. Ficou cego e não conseguia mais enxergar sua real condição, porque seus olhos foram vazados. Literalmente, passou a andar em círculos, rodando um moinho de trigo como escravo. Tornou-se motivo de piadas e perdeu completamente a dignidade. Em um ato de desespero, ainda tentou ¬recuperar o plano original do Senhor; mas, para isso, teve que sacrificar a própria vida. Tudo poderia ter sido diferente.

O pecado não compensa. Oferece um minuto de prazer, mas cobra uma vida de sofrimento. Como alguém disse: “Suas correntes são suaves demais para serem sentidas até que se tornem grandes demais para que sejam quebradas”. Porém, Deus não desiste de nenhum daqueles que escolheram “andar sobre brasas” e brincar com o pecado. Ninguém, pois, considere incuráveis os seus defeitos. Deus dará fé e graça para vencê-los.

“Se você está sendo tentado, não se iluda com as ofertas mentirosas do inimigo. Fuja dele enquanto há tempo! Se você caiu e está experimentando as amargas consequências de seu erro, receba o perdão divino e abandone o pecado. Compensa servir a Jesus! Deixe o ímpio o seu caminho, e o homem maligno os seus pensamentos; volte-se ao Senhor, que se compadecerá dele; e para o nosso Deus, porque é generoso em perdoar. Porque os meus pensamentos não são os vossos pensamentos, nem os vossos caminhos os meus caminhos, diz o Senhor" (Isaias 55:7-8).




expediente|quem somos|fale conosco|política de privacidade





© 2017 News Oeste - Todos os Direitos Reservados ®