Doria anuncia aquisição de 40 mil armas para a Polícia Militar
Pistolas semiautomáticas calibre .40 serão compradas por meio de licitação internacional
O Governo de SP também autorizou o uso de fuzis .762 e .556 pela PM em todas as regiões do Estado

3 de Maio de 2019 - 09h42
O Governador de São Paulo, João Doria (PSDB), e o Secretário da Segurança Pública, General João Camilo Pires de Campos, anunciaram nesta terça-feira (30) a aquisição de 40 mil pistolas semiautomáticas calibre .40 para a Polícia Militar. As armas serão compradas por meio de licitação internacional com investimento de aproximadamente US$ 20 milhões – cerca de R$ 80 milhões.

“Hoje estamos assinando a autorização para a aquisição de 40 mil novas armas para a Polícia Militar. A maior compra já realizada pelo Governo de São Paulo na sua história”, disse Doria, que completou que “para o ano que vem já podemos anunciar que vamos comprar mais 40 mil novas pistolas, totalizando 80 mil pistolas .40. A Polícia de São Paulo será a mais bem preparada, técnica e tecnologicamente, para a pronta resposta”.

Atualmente, os processos de aquisição de armamentos da PM somam R$ 108,9 milhões. Além das 40 mil pistolas calibre .40, estão em andamento as compras de 1 mil fuzis calibre .762, 300 fuzis calibre .556, dois fuzis de precisão, 10 metralhadoras leves, 500 escudos balísticos, 1 mil armas de incapacitação neuromuscular e 5.500 coletes balísticos.




Deixe seu comentário



expediente|quem somos|fale conosco|política de privacidade





© 2017 News Oeste - Todos os Direitos Reservados ®