Governador João Doria entrega duas clínicas do Saúde em Ação
O programa prevê 76 obras para a região metropolitana de Campinas
O programa prevê 76 obras para a região metropolitana de Campinas

25 de Março de 2019 - 11h59
O Governador João Doria esteve neste sábado (23) em Indaiatuba para a cerimônia de entrega das clínicas/UBS Jardim Carlos Augusto Camargo Andrade e Jardim Maritacas. As unidades fazem parte do Programa Saúde em Ação, parceria da Secretaria de Estado da Saúde com o Banco Interamericano de Desenvolvimento (BID).

Cada clínica recebeu o investimento de R$ 3,6 milhões. Elas contam com seis consultórios, sendo um deles odontológico, sala de vacina e inalação, medicações e espaço para atividades coletivas, entre outros. A área total da unidade é de 680 m², e a estimativa é que cada uma realize cerca de 180 atendimentos por dia.

“São 360 pessoas atendidas diariamente, com alto padrão de qualidade. Uma iniciativa do Governo de São Paulo e da Prefeitura de Indaiatuba em um amplo programa de saúde, que ainda envolve um novo hospital e ampliação do atendimento básico”, afirmou o Governador.

“São programas importantes na área da saúde e que fazem parte de nosso projeto estratégico para a região metropolitana de Campinas”, acrescentou Doria.

A clínica/UBS Jardim Carlos Augusto Camargo Andrade já iniciou os atendimentos no mês de março e está localizada na Rua Rudolf Theodor Scheel, 72, bairro Jardim Dr. Carlos Augusto Camargo Andrade.

Na cerimônia, o governador também entregou as chaves da clínica/UBS Jardim Maritacas à Prefeitura de Indaiatuba para finalização de acabamento e instalação de equipamentos. O endereço é Área Institucional 03-B, Rua 06, Jardim das Maritacas.

Essas são as primeiras obras entregues pelo programa Saúde em Ação no município de Indaiatuba. Na Região Metropolitana de Campinas, o programa investe R$ 262 milhões e já entregou 40 obras, sendo 35 UBSs e 5 CAPS. Ainda está em fase final a construção do novo AME de Campinas, que recebeu investimento de R$ 47 milhões e será referência em atendimento especializado na região.

O programa prevê 76 obras para a região metropolitana de Campinas. No total, são 166 unidades entre construções e reformas do Programa Saúde em Ação, distribuídas nas regiões de Campinas, Itapeva, Vale do Jurumirim, Vale do Ribeira e Litoral Norte.

“Estamos atuando no fortalecimento da assistência em todo o Estado com o ‘Saúde em Ação’. São R$ 826 milhões em investimentos para construções e reformas de hospitais, AMEs (Ambulatórios Médicos de Especialidades) e clínicas dos tipos UBS e CAPS, entre outros serviços que vão facilitar e qualificar o acesso da população ao SUS”, afirma o Secretário de Estado da Saúde, José Henrique Germann Ferreira.

Clínicas

As unidades são entregues equipadas aos municípios e consideradas como portas de entrada do SUS, com capacidade para realizar consultas médicas e odontológicas. O foco na atenção básica tem como objetivo a resolução dos casos com mais rapidez e proximidade ao usuário.

“Se conseguirmos organizar o sistema primário, teremos uma rede integrada. Nós temos a possibilidade de tratar 85% das pessoas nesses serviços e diminuir as filas nos hospitais”, explica o coordenador do “Saúde em Ação”, Ricardo Tardelli.

Além das consultas, os pacientes também poderão receber vacinas, curativos e inalações, além de coletar sangue para exames laboratoriais. Também haverá ações de promoção e prevenção da saúde. As novas unidades contarão com equipes capacitadas para realização de atendimento humanizado.

Dos R$ 826 milhões de investimento total para o programa, 70% são provenientes do BID, e outros 30% do Tesouro estadual. As regiões beneficiadas pelo projeto foram escolhidas pela Secretaria após estudo que analisou as necessidades regionais e o perfil epidemiológico de cada uma.




Deixe seu comentário



expediente|quem somos|fale conosco|política de privacidade





© 2017 News Oeste - Todos os Direitos Reservados ®